Declarações

Nota de solidariedade a Glauber Braga

Cyro Garcia, Presidente do PSTU-RJ

28 de maio de 2024
star4.29 (17 avaliações)
Foto: Vinicius Loures -Camara dos Deputados.

O pedido de cassação que tramita na Câmara dos Deputados contra o deputado Glauber Rocha (PSOL-RJ), por ter expulsado da casa legislativa membros do MBL que faziam provocações dentro desta, é uma hipocrisia sem limites e demonstra, uma vez mais, os limites muito estreitos da democracia dos ricos.

O fato que sustenta este pedido foi que, no dia 16 de abril, o militante do MBL Gabriel Costenaro fez uma série de provocações contra o deputado, segundo Glauber “É a quinta provocação dele. Na quarta vez ele ameaçou a mãe de um militante nosso com mais de 70 anos dizendo que sabia onde ela morava. Já existe boletim de ocorrência sobre isso”.

Essa metodologia, de fazer provocações, esperar as reações e postar nas redes sociais é típica deste grupo que já o fez nos mais diversos ambientes.

Aliás, o MBL tem se especializado em fazer provocações a representantes de esquerda, inclusive em manifestações. Não é a primeira vez que membros dessa organização buscam fama ofendendo partidos, grupos, ou pessoas vinculadas às posições que não concordam.

Pior ainda é que esse parlamento que julga Glauber e pode cassar seu mandato, por supostamente ele “desrespeitar a ética e o decoro necessário ao Parlamento”, é o mesmo que faz muito pouco contra gente como Michele e Jair Bolsonaro, que, juntos, são responsáveis pela morte de mais de 700 mil brasileiros durante a pandemia.

De nossa parte, independentemente das diferenças que temos com Glauber e o PSOL, nos solidarizamos com o deputado e exigimos que essa tentativa antidemocrática de retirar-lhe o mandato não tenha prosseguimento.